Jan
04
2011
-

Biometria – Você é a Chave

Tipos de Biometria

Tipos de Biometria

Biometria é o estudo das características físicas e comportamentais dos seres vivos. A Biometria têm sido bastante estudada nas últimas décadas para garantir segurança no meio digital. Algumas características biométricas dos seres vivos tendem a serem únicas a cada indivíduo, ou no mínimo a probabilidade de se encontrar um individuo idêntico é bastante remota.

Hoje a biometria é utilizada desde identificação criminal, até o controle de acessos a sistemas e locais.
Um
sistema Biométrico em geral funciona da seguinte maneira:

1º passo: É feito um procedimento para coleta das características de cada individuo de acordo com o tipo de sistema Biométrico pré-estabelecido pela empresa.
2º Passo: Um software com algorítimo matemático irá mapear os principais pontos da característica extraída. Após a análise do software será gerado um “Template” com as características individuais do indivíduo que estará relacionado a sua identificação. Esse Template será armazenado no banco de dados do sistema.
3º Passo: A verificação da identidade do indivíduo será feita através da extração de uma nova amostra da característica e a comparação com o Template já pré-armazenado no sistema.

Durante o processo para adoção de um sistema Biométrico por uma empresa, vários fatores são levados em consideração. Dentre a eles a Confiabilidade, a possibilidade da característica adotada variar com o tempo, a possibilidade da característica adotada variar com as condições de saúde ou mesmo condições emocionais, é preciso considerar também se a técnica é invasiva ou não, dentre outros fatores. Os principais padrões biométricos adotados hoje em dia são:

Biometria Digital

Biometria Digital

Impressão Digital: Por volta do 6º mês de gestação as impressões digitais se formam na ponta dos dedos do feto. Essas linhas formadas pela elevação da pele irão acompanhar a pessoa por toda a sua existência sem apresentar grandes mudanças. É um método utilizado a mais de mil anos. Apesar de ser um método bastante utilizado, estima-se que entre 5 e 10% da população mundial não possui impressão digital com um nível de amostragem suficiente para gerar um cadastramento.


Biometria Facial

Biometria Facial

Reconhecimento Facial: Identificar um indivíduo através da análise da face é um processo complexo. A idéia está em utilizar um programa que mapeia a geometria e as proporções da face. Pontos como a distância entre os olhos, distância entre boca nariz e olhos, distância entre os olhos e o queixo, entre outros, são examinados de modo a extrair uma combinação única para identificar o indivíduo. Uma de sua falhas consiste no fato de que diferentes angulações da posição do rosto em relação a câmera podem gerar uma discordância na comparação do software.


Biometria da Íiris

Biometria da Íiris

Identificação da Íris: Entre o 7º e o 8º mês de gestação se forma o tecido que reveste a íris. Até mesmo gêmeos idênticos possuem características próprias da íris. Com um tamanho de cerca de 11mm a íris proporciona por volta de 266 pontos únicos de identificação, e como a íris está protegida atrás da córnea a probabilidade de danos ao tecido é mínima. A probabilidade de haver dois individuos com íris semelhantes é de 1 em 2,9 bilhões. Sua desvantagem é que é considerada uma técnica invasiva uma vez que a comparação é feita através de um feixe de laser que incide direto nos olhos do indivíduo.

Biometria - Reconhecimento da Voz

Biometria - Reconhecimento da Voz

Reconhecimento da Voz: O reconhecimento da voz funciona através da dicção de uma frase que funciona como senha. O som da voz humana é causado pela ressonância e comprimento das cordas vocais, o formato da boca e as cavidades nasais. Quando se fala cria-se vibrações no ar. O conversor analógico-digital traduz essas vibrações em sinais digitais. O sistema ainda filtra o som para remover ruídos indesejados. Como desvantagem esta técnica pode-se destacar o fato da pessoa adquiria algum tipo de doença que afete o timbre da voz, por exemplo um resfriado, ainda existe o caso de pessoas com timbres de voz parecidos serem confundidas pelo equipamento.


Biometria da Retina

Biometria da Retina


Identificação da retina: A retina, parede do fundo do olho, possui características ímpares formadas por um
conjunto de vasos sanguíneos que criam um desenhomuito parecido com mapas hidrográficos. O padrão de vasos sanguíneos da retina é a característica com maior garantia de singularidade que uma pessoa pode possuir. O processo consiste em mapear a posição das veias sanguíneas. Infelizmente pesquisas médicas mostram que algumas doenças podem com o tempo modificar as características da retina.


Fonte: Papo Nerd

Dec
17
2010
-

Canoas implanta leitor de biometria facial para encontrar foragidos

Monitoramento para biometria facial

Sala de Monitoramento da Prefeitura de Canoas

Ainda está em fase de testes, mas na próxima semana entra em funcionamento mais uma novidade tecnológica que se alia ao sistema de inteligência da secretaria de Segurança Pública e Cidadania de Canoas, é o leitor de biometria facial para encontrar foragidos.

Câmeras instaladas no interior de duas estações da Trensurb repassarão as imagens para um computador das salas de monitoramento da prefeitura e da Brigada Militar. Um software reconhecerá o rosto das pessoas e fará a comparação com o banco de dados da polícia civil, que tem cadastrado 250 fotos de criminosos, armazenado no sistema. Em uma tela o operador controla a porcentagem de probabilidade de reconhecimento. Passando de 80% a Brigada Militar e a segurança da Trensurb são imediatamente acionadas.

O sistema tem capacidade de reconhecimento a uma distância de 5m. De acordo com secretário de segurança Alberto Kopittke a partir de janeiro será discutida a integração do sistema para incluir, por exemplo, o banco de dados de Porto Alegre. O investimento foi de R$100mil, considerado um custo viável pela capacidade de resposta.

O leitor de biometria facial foi criado a oito anos na Rússia para espionagem. De lá pra cá o sistema foi extremamente qualificado, segundo o técnico da empresa ISS Alexandre Martins que comercializa o software e está ajudando na implantação em Canoas.

Canoas terá ainda um sistema de reconhecimento de placas. Em caso de irregularidades, os operadores são avisados e podem interceptar o condutor na hora. O sistema também permite que, em caso de fuga de bandidos, a polícia prepare o sistema para identificar determinado veículo assim que ele passar por um dos detectores. Diferentemente dos radares instalados em rodovias, capazes apenas de ajudar na aplicação de multas, esse sistema oferece uma investigação a partir dos dados sincronizados da polícia e se torna uma ferramenta para coibir ações criminosas.

“A grande maioria dos crimes nas grandes cidades envolve tentativas de fuga utilizando motos ou carros”, afirma Alexandre Nastro, diretor da ISS. “Os municípios estão percebendo que é possível coibir essas ações e, na ocorrência de um crime, surpreender os suspeitos com uma barreira policial, por exemplo”, observa Nastro.

Canoas é a segunda cidade brasileira a implantar o sistema de reconhecimento de placas e a primeira a ter um leitor facial em vias públicas

Fonte: Prefeitura de Canoas

Oct
18
2010
-

CITI AUSTRÁLIA AFIRMA TER PRATICAMENTE ELIMINADO A FRAUDE ON-LINE

Biometria por voz

Biometria por voz

O Citi, na Austrália, reduziu as taxas de fraudes on-line a “quase zero”, com o uso de autenticação de dois fatores. Agora, o banco se prepara para estender o sistema de autenticação também a seus clientes de serviços móveis.
Falando a repórteres locais, o diretor-executivo Roy Gori alegou que ele não consegue se lembrar de um único caso de fraude on-line entre os seus 200 mil clientes de internet banking ao longo dos últimos 12 meses.
O sistema de segurança empregado pelo Citi engloba a entrada de uma identificação do usuário antes da digitação de senha em teclado dinâmico na tela e da resposta a uma pergunta de segurança pré-determinada.
Gori disse aos jornalistas que o plano do banco era o de ser o “mais inteligente, de modo que os fraudadores fossem atrás dos estúpidos” e que o sistema está sendo estendido aos seus clientes de mobile banking.
Além disso, o Citi na Austrália está testando biometria de voz, disse Gori, sem revelar o nome do fornecedor da tecnologia. A ferramenta poderá ser disponibilizada a ‘early adopters’, selecionados entre os usuários de serviços bancários por telefone, no prazo de três meses.
Em Cingapura, o Citi abandonou, em 2008, um sistema de segurança baseado em tecnologia biométrica por impressão digital mas Gori afirma que a biometria de voz é muito mais precisa. Seu concorrente, o NAB (National Australia Bank) introduziu o sistema para seus clientes de serviços bancários por telefone no verão passado.
Nos Estados Unidos, em uma enquete recente – realizada pela Unisys via internet – , 63% dos participantes votaram na biometria por impressão digital como o método mais seguro para provar a identidade do usuário do cartão de crédito. Outros 20% escolheram a alternativa foto; 13% optaram por senha e 6% votaram em assinatura de próprio punho.

Fonte: Serfinco

Template: TheBuckmaker.com Wordpress Themes | Greengeeks Panel, Urlaub Alpen